top of page

Psilocybe cubensis, conhecido no Brasil como “cogumelos mágicos”, é um cogumelo muito comum em pastos localizados em zonas tropicais e subtropicais. O substrato natural do cubensis é o esterco de vaca, sendo considerado um fungo saprófito. Em alguns locais também nasce em esterco de elefante, cavalo e outros animais que se alimentam de gramíneas. É frequentemente encontrado nas épocas mais quentes do ano, após vários dias de chuva e sol.

Diversas cepas desse cogumelo são cultivadas no mundo todo por colecionadores. Algumas dessas cepas foram obtidas diretamente do fungo crescendo em seu habitat natural, outras foram obtidas através de cruzamentos, clonagens e seleção genética. Muitas dessas cepas possuem eficiência biológica satisfatória, e cada uma tem sua característica fenotípica própria. Algumas são escuras, outras leucísticas, já outras são completamente albinas. Umas ficam grandes e ocas, outras são baixinhas e maciças. A grande variedade de Psilocybe cubensis permite ao cultivador explorar diversas cepas com cores diferentes, para fins de hobby e/ou estudos.

 

MÉTODO DE CULTIVO

Por ser uma espécie considerada decompositora secundária, o Psilocybe cubensis pode ser cultivado em substrato compostado, em fibra de coco, em palha e muitos outros tipos de substrato (menos serragem, pois não possui muitas enzimas que degradam lignina). O substrato final mais adequado para cultivo “indoor” é uma mistura de 1 parte de pó de fibra de coco e 1 parte de vermiculita fina. Além disso, adicionar 20% do peso inicial com farelo de trigo, 2% carbonato de cálcio e 2% gesso em pó. A umidade deve ser corrigida para 60-65%, e o substrato deve ser esterilizado dentro de sacos para cultivo com filtro em autoclave ou panela de pressão. Após o resfriamento, inocular o substrato estéril com 10% de “spawn” (semente) previamente pronto ou com cultura líquida. Esse processo deve ser preferencialmente realizado em um local limpo, de preferência utilizando um fluxo laminar para evitar contaminações. Após a inoculação, substrato deve ser incubado em temperaturas de 20 a 25ºC. Depois de colonizado, o substrato deve ser levado para a sala de frutificação ou terrário, sendo então mantido entre 20 e 25ºC. Após alguns dias os cogumelos começam a crescer, podendo atingir até 5 fluxos de colheita, espaçadas de 3 a 5 dias entre elas.

Placa Petri Colonizada P. cubensis

R$79.90Price
    bottom of page